FONE (11) 5583.0228 Deixe seus dados que ligaremos para sua empresa. Conheça os detalhes dos módulos do Sistema de Gestão Empresarial. Softlogic - Simplicidade e Inteligência

Todos os sistemas parecem iguais. Mas, realmente iguais?

Não há sistemas iguais, apesar de informatizarem quase que as mesmas coisas. Diferem entre si, principalmente, pelos seguintes motivos:

1º. São construídos visando um tipo de atividade empresarial.
  Um sistema construído para uma indústria de tintas certamente não vai servir para uma construtora. Um, destinado à atacadista de cereais, não deve atender bem, ou quase nada, um atacadista de parafusos ou de vestuário.

A escolha de um sistema que não foi desenvolvido especificamente para a atividade vai exigir, para seu adequado funcionamento, de muitas customizações. Vai custar mais e demorar a ser efetivamente implantado. Mesmo depois de todas as customizações, será sempre uma adaptação. Não vai atender às necessidades futuras da empresa, pois o sistema estará acompanhando a evolução de uma outra atividade econômica. Será sempre algo paralelo que vai exigir adaptações e custos constantes.

A opção por um sistema especializado na atividade econômica da empresa tem a vantagem de ser mais rápido na implantação e, provavelmente, com preço mais justo. Além disso, seus recursos e melhorias vão estar sempre acompanhando as necessidades de seus usuários.

Muitas empresas de software liberam novos recursos para seus clientes sem custo adicional. Outra questão relevante é que, ao ser desenvolvido para um tipo de atividade econômica, muitos detalhes do banco de dados, das telas e os aspectos fiscais, são focados para as rotinas dessa atividade.

Existem sistemas no mercado que se propõem a atender diversos tipos de atividades, valendo-se, para isso, de diversos parâmetros que devem ser ajustados no momento da implantação. É um expediente válido que pode ser adotado, mas com algum cuidado. Não se deve distanciar da especialização, pois, a evolução futura do sistema pode não acompanhar as necessidades da empresa que o utiliza, e vai exigir adaptações futuras.
   
2º. São construídos para um determinado porte de empresa.
  Um sistema construído para uma empresa de porte, embora possa oferecer todos os recursos que uma pequena precisa, pode atrapalhar a sua operacionalidade que é simples e exigir uma qualificação extra dos usuários, que a empresa não consegue oferecer. Ao contrário, um sistema desenvolvido para uma pequena empresa não vai servir para uma empresa maior, pois, não terá uma série de recursos e a capacidade de administrar grande volume de informações e acessos.

Em relação a essas diferenças, há dois aspectos a considerar:

a) Sistema desenvolvido para empresa de maior porte tem as rotinas e atividades departamentalizadas e exige mais informações na operação das atividades.
b) Sistema para empresa pequena raramente possue um nível de integração muito grande e, poucas, tratam as questões fiscais e contábeis simultaneamente.

É importante compatibilizar o porte da empresa com o público a quem se destina o sistema, pois, o descompasso interfere na forma como se relacionam as atividades, os usuários e os departamentos, além de influir no preço e no prazo de instalação.

É importante lembrar que se deve, também, compatibilizar as necessidades futuras da empresa com a capacidade do sistema escolhido acompanhar.

   
3º. São construídos com formas diferentes de operação.
  Os sistemas são projetados para serem eficientes organizando os serviços e as pessoas de uma determinada maneira, inclusive definindo sequências e critérios rígidos que devem ser observados.

Este é um aspecto pouco observado na aquisição dos sistemas, mas, a adoção de um sistema tem forte implicação no jeito como as pessoas e os setores internos da empresa se relacionam. Inclusive, o mais importante, na forma de como pode atender seus clientes.

Bem, agora, quando for procurar um sistema, já sabe que precisa analisar estes três aspectos, além das suas necessidades específicas.

 

Sobre o autor:

J. R. Cesário
Consultor com mais de 30 anos de experiência em implantação de ERP


Artigos relacionados:

Cuidados que devo tomar ao informatizar minha empresa
Quando devo implantar um sistema de gestão
É viável implantar um sistema provisório por algum tempo?
Qual o melhor método para escolher um fornecedor de software?
Por que algumas empresas nunca terão um bom software de gestão

 
Soluções para empresas
Área Operacional
Nota fiscal eletrônica
Vendas e serviços
Controle de produção
Controle de locação de bens
Estoque e compras
Controle financeiro
Informações gerenciais
Área administrativa
Folha de pagamento
Contabilidade
Ativo Fixo
Escrituração fiscal
SPED fiscal
SPED contribuições
SPED contábil
SPED Fcont
A Softlogic
Softlogic (desde 1988)
O que falam nossos clientes
 
Contato
Contato com vendas
Peça para ligar para você
 
Solicitar orçamentos
Orçamento para empresa
 
 
 
Representantes regionais
Cadastrar representante
 
Guia prático de compra ERP
Ver e baixar o guia
 
Vídeos e palestras
Palestra sobre SPED Fiscal
Palestra sobre IFRS
 
Vídeos sobre sistemas
Emissão de NFe
Acesso remoto
Permitir acesso para o suporte técnico operar o computador do cliente